Igreja Nossa Senhora do Porto em Morretes

Igreja Matriz Nossa Senhora do Porto.

A Igreja Matriz de Morretes possui uma história bastante peculiar e interessante. Nos seus primórdios, a cidade possuía apenas uma humilde capela (que teve sua construção autorizada pelo papa em 1769) e a população carecia de uma igreja que marcasse a presença da fé católica. Na época era condição obrigatória que as cidades possuíssem ao menos uma igreja.

A igreja atual teve sua construção iniciada em 1812, no mesmo local onde encontrava-se a antiga capela e em um dos pontos mais elevados da cidade.

A igreja foi finalmente inaugurada em 1850 e em seu interior encontra-se toda via sacra pintada a óleo, obra do famoso pintor morretense Theodoro de Bona. Seu interior é realmente muito bonito.

Foi batizada como Igreja Nossa Senhora do Porto, pois durante uma procissão em 1849, a imagem de Nossa Senhora do Porto, Padroeira da Vila, caiu do andor, fazendo-se em pedaços. No mesmo ano, foi encomendada uma imagem vinda da Bahia, esculpida em madeira, com revestimento de gesso.

Detalhe do relógio no topo da igreja.

Em frente a igreja está instalado um sino vindo de Portugal, com o braSão do Império, fundido no ano de 1854, além de uma cruz que data da passagem do século e um relógio em sua torre que funciona desde a Fundação da igreja. Localiza-se no Largo da Matriz.

O sino vindo de Portugal, com o brasão do império.

Texto livre a adaptado da internet.

Posted on 31/12/2011, in Viagens and tagged , . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: